Portal do Governo Brasileiro

Tamanho da fonte:


Quinta-feira, 10 de março de 2016 às 18:35

‘Temos que combater com dureza a intolerância em favor da democracia’, defende ministro Edinho

Ministro Edinho Silva recebeu do presidente da Abert, Daniel Pimentel Slaviero, ofício manifestando a preocupação da entidade com a “crescente onda de violência” contra profissionais da imprensa e veículos de comunicação. Foto: Rafael Carlota

Ministro Edinho Silva recebeu do presidente da Abert, Daniel Pimentel Slaviero, ofício manifestando a preocupação da entidade com a “crescente onda de violência” contra profissionais da imprensa e veículos de comunicação. Foto: Rafael Carlota/PR

O ministro Edinho Silva (Comunicação Social) se reuniu na tarde desta quinta-feira (10) com representantes das associações das Emissoras de Rádio e Televisão (Abert), de Rádio e Televisão (Abratel), de Editores de Revistas (Aner) e de Jornais (ANJ). No encontro, o grupo manifestou “preocupação” com a “crescente onda de violência” contra profissionais da imprensa e veículos de comunicação. 

As entidades entregaram ao ministro uma cópia do relatório que coloca o Brasil como 5º país do mundo mais perigoso para os profissionais da imprensa em 2015. Segundo o presidente da Abert, Daniel Pimentel Slaviero, em 2016, já foram notificados 57 incidentes contra os profissionais de imprensa.

 “Isso mostra a escalada e a questão dramática que é essa violência que tem ocorrido contra a imprensa. Toda vez que um profissional de imprensa é impedido de cobrir um fato quem mais perde é a sociedade brasileira, que deixa de ser informada”, declarou Slaviero.

Em entrevista a jornalistas, Edinho Silva ratificou o compromisso do governo federal com a liberdade de expressão e se comprometeu, “dentro daquilo que compete ao governo federal”, tomar as providências cabíveis. O ministro enfatizou que a presidenta Dilma tem manifestado “constantemente” o repudio a atos de violência de qualquer natureza.

“É inegável que num ambiente onde a intolerância cresce, se nós não tivermos responsabilidade, tanto as lideranças governamentais quanto os veículos de comunicação, no sentido de nós começarmos a combater com dureza a intolerância, certamente nós estaremos vivendo um ambiente de muita radicalização, o que é ruim para a construção da democracia”, finalizou o ministro.

Imprima:Imprimir

Posts Relacionados

Blogue sobre isso

Achou este artigo interessante?

1) Acesse o seu blog e crie num novo post:

(se você não tem um blog, pode criar o seu, utilizando um destes serviços)

2) Use a URL abaixo para pingback/trackback:

3) Rascunhe aqui seu post.

(depois basta copiar e colar no seu blog)

Respostas em blog

Não existem respostas em blog deste artigo. Quer ser o primeiro a blogar este artigo?

Tweets

Instagram

Por e-mail

Receba os artigos do Blog do Planalto diariamente por e-mail preenchendo os campos abaixo:

Digite o seu e-mail:


Um e-mail de confirmação do FeedBurner&trade será enviado para você! Confirme no link que será enviado para o seu e-mail para receber os últimos artigos do Blog do Planalto.

-