Portal do Governo Brasileiro

Tamanho da fonte:

Sábado, 18 de maio de 2013 às 7:57

Veja os detalhes do novo Mané Garrincha

 

Visite o Portal da Copa

Quarta-feira, 20 de março de 2013 às 8:46

Francisco confirma participação na Jornada Mundial da Juventude e visita ao Santuário de Aparecida

A presidenta Dilma Rousseff foi a primeira chefe de Estado a ser recebida pelo papa Francisco após a missa inaugural do pontificado. Segundo Dilma, o fato foi destacado pelo próprio papa durante encontro no Palácio Apostólico, no Vaticano, na manhã desta quarta-feira (20). A presidenta ainda revelou que Francisco confirmou presença na Jornada Mundial da Juventude, em julho, no Rio de Janeiro, e que pretende visitar a Basílica de Nossa Senhora Aparecida, em São Paulo.

“Ele estava me dizendo que ele espera uma presença grande dos jovens na medida em que ele é o primeiro papa, ele é várias coisas primeiro: ele é o primeiro Francisco, o primeiro jesuíta, o primeiro latino-americano, o primeiro argentino, e ele espera a presença massiva de jovens. (…) Ele vai, logo depois da grande participação dele, ir em Aparecida e até me lembrou que, em 2007, ele esteve em Aparecida e me deu um livro que é a síntese do que eles fizeram em Aparecida em 2007, que foi uma conferência de bispos latino-americanos”, afirma.

A presidenta também voltou a destacar a importância do compromisso do papa com os pobres e com as populações mais fragilizadas. Para Dilma, essa postura faz com que a relação com o Brasil ganhe em importância, já que o governo vem focando, nos últimos dez anos, a superação da pobreza extrema.

“Ele é uma pessoa extremamente carismática e, ao mesmo tempo, com um grande compromisso com os pobres, o que torna a relação com o Brasil uma relação muito importante para nós. Porque o governo brasileiro vem nos últimos 10 anos, a partir do Lula, focando a questão da superação da pobreza. E é uma política de estado, eu inclusive, expliquei para ele como é que nós estamos, e ele conhecia bastante bem, não houve nenhuma surpresa da parte dele, ele sabia o que nós estávamos fazendo”, completa.

O papa, segundo Dilma, ainda se solidarizou com as vítimas da tragédia em Santa Maria (RS) e disse que o Brasil demonstrou força e ternura.

“‘Eu fiquei muito comovido com a questão que ocorreu em Santa Maria e acho que a gente tem na vida que demonstrar força e ternura. Em Santa Maria, o Brasil demonstrou força e ternura’. Eu fiquei muito agradecida também e acho que ele será um papa muito importante para o momento em que todos nós vivemos”, disse.

Por fim, Dilma Rousseff afirmou que a Argentina está de parabéns pela escolha do papa Francisco e brincou ao responder a pergunta de um jornalista argentino sobre o encontro.

“Olha, vocês têm muita sorte. É um grande papa. A Argentina está de parabéns. Agora, a gente sempre diz ‘o papa é argentino, mas Deus é brasileiro’”, finaliza.

Confira a íntegra

 

Terça-feira, 19 de fevereiro de 2013 às 6:00

Agenda: medidas do Plano Brasil Sem Miséria e encontro de mulheres camponesas

Agenda presidencialA presidenta Dilma Rousseff faz o anúncio de medidas do Plano Brasil Sem Miséria, no Palácio do Planalto, às 11h desta terça-feira (19). Às 17h, ela participa do 1º Encontro Nacional do Movimento de Mulheres Camponesas, no Pavilhão de Exposições do Parque da Cidade, também em Brasília. Ela ainda se reúne com o presidente do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), Luis Alberto Moreno, às 15h; e recebe os ministros Guido Mantega, da Fazenda, às 9h30; e Edison Lobão, de Minas e Energia, às 16h.

Quinta-feira, 31 de janeiro de 2013 às 19:24

Dilma recebe camisa alusiva aos 500 dias para o início da Copa do Mundo

O ministro do Esporte, Aldo Rebelo, e a presidenta Dilma posam com camisa personalizada que marca os 500 dias para o início dos jogos da Copa do Mundo. Dilma recebeu o ministro nesta quinta, no Palácio do Planalto. Foto: Roberto Stuckert Filho/PR

Terça-feira, 22 de janeiro de 2013 às 16:45

Governo anuncia programa de voluntários para grandes eventos

O governo federal vai investir R$ 30 milhões na primeira fase do Programa Brasil Voluntário, voltada para Copa das Confederações. O objetivo é formar 7 mil voluntários para ajudar na organização do torneio, atuando em aeroportos, pontos turísticos, festas públicas, Fan Fests e outras áreas de grande fluxo de pessoas, assim como dando suporte a torcedores, imprensa não credenciada, turistas e população em geral.

» Entenda como o programa de voluntários vai funcionar

O programa conta com uma rede social própria, onde os candidatos poderão ser inscrever, por meio do Portal da Copa (www.copa2014.gov.br). O prazo vai até 16 de fevereiro. O escolhidos passarão por uma qualificação, que abordará temas como história do Brasil e das seis cidades-sede da Copa das Confederações (Belo Horizonte, Brasília, Fortaleza, Recife, Rio de Janeiro e Salvador), noções básicas de inglês e de espanhol e recepção e orientação aos turistas.

Sábado, 15 de dezembro de 2012 às 16:28

Veja infográfico com detalhes dos estádios que receberão a Copa das Confederações, em 2013

Quinta-feira, 6 de dezembro de 2012 às 15:25

Áudio: Niemeyer conta detalhes e curiosidades sobre a construção de Brasília

Oscar NiemeyerEm série de áudios cedidos ao Portal Brasil pelo Arquvo Público do DF, o arquiteto Oscar Niemeyer conta detalhes e curiosidades sobre a construção de Brasília. Na capital federal, entre outros, Niemeyer projetou os palácios da Alvorada, do Planalto, da Justiça, o Itamaraty, e igrejas como a Nossa Senhora da Paz e a Catedral Metropolitana (confira galeria de imagens).

 

» “Brasília representa o dinamismo de JK”

 

» Primeira impressão: “Era um descampado, uma terra hostil”

 

» “Eu sentia um certo prazer em contrariar o rigor técnico”

 

Quarta-feira, 17 de agosto de 2011 às 19:20

Áudio – “Vocês têm em mim uma presidenta Margarida como vocês”

 

Terça-feira, 31 de maio de 2011 às 20:03

Governo anuncia concesões de três aeroportos para Copa do Mundo

Segunda-feira, 23 de maio de 2011 às 19:12

“Fontes de inspiração”, Norman Foster visita Planalto e Alvorada, essências de requinte e sofisticação

Norman Foster (de bege, ao centro), sua esposa, Elena Ochoa, e Ana Lúcia Niemeyer visitam o Palácio do Planalto. Foto: SIP/PR

O renomado arquiteto britânico Norman Foster visitou, nesse domingo (22/5), os Palácios do Planalto e da Alvorada, a convite de Anna Maria, filha de Oscar Niemeyer. O objetivo foi conhecer pessoalmente as obras do arquiteto brasileiro, declarado por Foster como “fonte de inspiração”. O Blog do Planalto acompanhou a visita.

Após conhecer o Salão Nobre e fazer uma rápida parada no Parlatório do Palácio do Planalto, Norman Foster seguiu para o Palácio da Alvorada. Visivelmente emocionado após visitar a capela, Foster declarou-se maravilhado com a obra de Niemeyer. O arquiteto inglês definiu Brasília como coreografada, uma cidade em absoluto equilíbrio, com arquitetura eternamente jovem.

“O Palácio da Alvorada é a essência do bom gosto. Nunca vi nada tão sofisticado”, disse Foster.

A esposa de Norman Foster e integrante da comitiva, Elena Ochoa, afirmou que o Palácio da Alvorada era o lugar mais bonito que já conheceu. “Estou muito emocionada, com vontade de chorar”, continuou. “Pensei que já tivesse visto os lugares mais bonitos do mundo, mas na verdade o Palácio da Alvorada é este lugar.”

Anna Maria Niemeyer contou que a ideia de convidar Norman Foster para conhecer Brasília surgiu de conversas onde o arquiteto britânico declarava a influência das linhas curvas de Oscar Niemeyer em suas obras. Segundo Anna, ao chegar à Esplanada dos Ministérios, Foster externou o desejo de voltar à capital federal com mais tempo para conhecer melhor a arquitetura da cidade.

Antes do Palácio do Planalto, o grupo conheceu a Catedral Metropolitana, os ministérios, o Congresso Nacional, os Palácios Itamaraty e da Justiça, a sede do Supremo Tribunal Federal e a Praça dos Três Poderes.

Biografia – Norman Foster nasceu na região de Stockport, Inglaterra, em uma família de origem humilde, e formou-se em arquitetura em 1961, pela Manchester University. Em 1997, foi condecorado com a Ordem do Mérito britânica e, em 1999, elevado à condição de Barão, sendo conhecido atualmente como Barão Foster do Tâmisa.

Foi premiado duas vezes com o Prêmio Stirling, sendo a primeira vez pelo Museu Imperial de Duxford em 1998 e, a segunda, pelo 30 St Mary Axe em 2004. Em 2009 recebeu o Prêmio Príncipe das Astúrias.

Discípulo de James Stirling e bandeira do pós-modernismo na arquitetura, Foster é um dos arquitetos mais prestigiados e influentes da atualidade. As obras dele se caracterizam pela utilização de soluções tecnologicamente inovadoras, evidenciadas por sistemas construtivos semelhantes aos adotados na indústria pesada, e com preocupação com o meio ambiente.

Os traços de Norman Foster são ainda conhecidos pelas estruturas metálicas como solução sustentável e pelo emprego de superfícies curvas, com a diversificação de materiais e desenho e planejamento urbanístico.

Tweets

Portal da Copa

Portal da Copa

Instagram

Por e-mail

Receba os artigos do Blog do Planalto diariamente por e-mail preenchendo os campos abaixo:

Digite o seu e-mail:


Um e-mail de confirmação do FeedBurner&trade será enviado para você! Confirme no link que será enviado para o seu e-mail para receber os últimos artigos do Blog do Planalto.

-